Blog do RioNoticias do Rio

Prefeito do Rio Crivella é preso, dentro de casa

Foi preso no início desta manhã, (22/12), o Prefeito do Rio Marcelo Crivella em uma operação do Ministério Público do Rio e da Polícia Civil do Rio. A ação é um desdobramento da Operação Hadesque que apura corrupção na Rio-Tur. Segundo o MP, Crivella seria chefe de um “QG da propina” dentro da Rio-Tur. Além dele também foram presos o empresário Rafael Alves e o delegado Fernando Moraes. Também é alvo da operação o ex-senador Eduardo Lopes, que no entanto não foi encontrado em casa.

Graças a delação do doleiro Sergio Mizrahy, começou-se uma investigação a partir de 2018 sobre uma organização criminosa dentro da prefeitura do Rio. Mizrahy preso, admitiu ser responsável pela lavagem de dinheiro da organização criminosa.

Investigações apontaram que o chefe dessa organização, seria o empresário Rafael Alves, preso hoje e que não tinha nenhum cargo na prefeitura, mesmo assim trabalhava na Cidade das Artes, na sala ao lado do irmão Marcelo Alves, que foi presidente da Riotur. Os acusados, segundo o delator, encontravam-se com representantes de empresas que desejavam fechar contratos ou tinham dinheiro para receber do município e entregariam cheques a Rafael Alves,então presidente da Riotur. Rafael era quem facilitava todos os negócios.

Um momento que chamou atenção dos investigadores da Operação Hadesque foi quando um delegado atendeu uma ligação do Prefeito Marcelo Crivela, para o celular do empresário Rafael Alves, no momento de busca e apreensão na casa do empresário. Segundo o relatório da operação na tela do celular apareceu: “Prefeito Crivella Novo 2”. O delegado atendeu a chamada e Crivella, disse: “Alô, bom dia Rafael. Está tendo uma busca e apreensão na Riotur? Você está sabendo?”.

Durante a campanha para Prefeito este ano Crivella acusou seu adversário Paes de corrupção e afirmou que seria preso. O bispo foi derrotado por Eduardo Paes que obteve mais de 64% dos votos válidos.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo