Ações Sociais

Instituto promove a equidade racial, social e combate ao racismo

O Instituto GUETTO, acrônimo para Gestão Urbana de Empreendedorismo, Trabalho e Tecnologia Organizada, é uma instituição sem fins lucrativos voltada a promover a equidade racial, social e combate ao racismo. Entre suas principais atividades desenvolve pesquisas, indicadores, gerencia projetos, recrutamento e seleção, consultorias e treinamento nas áreas de educação, direitos humanos e capacitação profissional.

Sua equipe é composta exclusivamente por profissionais negros, entre eles, Vitor Del Rey (presidente), Mestre em Políticas Públicas pela FGV, TedX Talker e ativista social, Magda Gomes (vice-presidenta), Gestora de Projetos Rocinha Resiste, Favela Lab e Elas Decidem e Rosana Fernandes (diretora executiva), mentora de afroempreendedoras e de startups, e consultora em Diversidade, Equidade e Inclusão.

Fundado em 20 de outubro de 2019, o Instituto surgiu com o objetivo de combater iniquidades raciais e de gênero no ambiente institucional. Atualmente, gerencia diferentes frentes, entre elas, a Ponte Para Pretxs, maior comunidade da América Latina reconhecida pelo Facebook, que auxilia no encaminhamento profissional, direcionando pessoas negras do Brasil e de diversos países a oportunidades de formação e empregabilidade.

A partir do sucesso do grupo, foi criada a Escola da Ponte, que promove capacitação gratuita em diversas áreas do saber, preparando profissionais para o mercado de trabalho. Em parceria com grandes empresas como Facebook, Google, Ernest Young, Microsoft, Whirlpool entre outras, já formou mais de 5000 profissionais em formações de idiomas, conhecimentos de tecnologias e tem como meta triplicar seu impacto no ano de 2022.

“Na Escola da Ponte pra Pretxs ensinamos de línguas a linguagens, sempre buscando que os conhecimentos oferecidos proporcionem às pessoas pretas mais preparo e qualificação para um mercado de trabalho que vem absorvendo novas estratégias para a diversidade. Nosso intuito é colaborar para que a comunidade negra alcance cargos e salários que tragam mobilidade social de verdade, transformando coletivamente nossa realidade”, Elaine Rosa, head da escola.

Através de seus serviços e parcerias na área de Recrutamento e seleção, o GUETTO já ajudou a empregar direta e indiretamente profissionais negros em empresa clientes e parceiras como Atlas Governance, Fundação IOCHPE, MRV, Magazine Luiza, entre outras, somando mais de 500 profissionais em 2021.

“Nosso grande propósito é combater o racismo estrutural pela raiz, além de entregarmos formações gratuitas com nossa Escola da Ponte, nos preocupamos em garantir oportunidades justas de empregabilidade que facilitem a mobilidade social e econômica dos profissionais negros e oferecemos consultorias e serviços para ajudar empresas a fortalecerem seus propósitos e compromissos ESG com efetividade e responsabilidade”, Rosana Fernandes, diretora executiva.

O Instituto também possui uma plataforma digital chamada Kilombu, que conecta afroempreendedores com clientes e parceiros comerciais. O aplicativo tem o intuito de unir pessoas negras empreendedoras ao mercado consumidor, dando visibilidade ao afronegócio e ao afro consumo.

“Para 2022, a meta do Instituto GUETTO é tornar-se uma academia de investimento educacional perene, ampliando seus projetos e fortalecendo os negócios da comunidade negra em todo o país. Haverá inovações nos cursos e formações corporativas oferecidos, conectados às tendências do mercado executivo e empreendedor. Buscamos firmar parcerias para investimento financeiro, expansão dos projetos e da metodologia”, Vítor Del Rey, presidente do Instituto.

Site: www.guetto.org

Vítor Del Rey – Presidente

Magda Gomes – Vice Presidente

Rosana Fernandes – Diretora Executiva

Elaine Rosa – Head da Escola da Ponte

OBS: temos mais opções de fotos e porta-voz para entrevistas

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo