Saúde & Bem Estar

Como o colesterol pode ajudar a preservar a saúde vascular?

Saiba quais são as principais formas de controlar o colesterol.

Muitas vezes visto como vilão, o colesterol é um tipo de gordura essencial para o funcionamento do corpo humano. Entretanto, se seus níveis no organismo estão em excesso, ele pode dificultar o fluxo do sangue em alguma região, pois se acumula dentro da parede das artérias. Por essa razão ele precisa estar controlado para que não aconteça o entupimento da passagem do sangue e ocasiona grandes problemas circulatórios, como o infarto, Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Guilherme Jonas, médico angiologista e cirurgião vascular frisa que o organismo produz no fígado cerca de 70% de todo colesterol e a alimentação é responsável pelos outros 30%. “Quando se consome alimentos com muito teor de gordura o fígado produz mais colesterol do que o necessário e isso ocasiona a alteração do nível normal para um que não é saudável. É bom lembrar que tanto as altas taxas de colesterol quanto as muito baixas são prejudiciais para a saúde”, diz.

É fundamental manter o colesterol controlado. “Bons hábitos são muito importantes para isso. Praticar exercícios físicos, não fumar, evitar o estresse, evitar comidas que contenham muita gordura de origem animal, e consumir mais legumes, verduras, grelhados, frutas, alimentos integrais, fibras e cereais”, destaca Guilherme.

Tipos de colesterol

LDH: é uma lipoproteína de baixa densidade, conhecido popularmente como colesterol “ruim”. Leva ao acúmulo de placas de gordura em suas artérias, que podem causar doenças cardíacas;

HDL: é uma lipoproteína de alta densidade, conhecido popularmente como colesterol “bom”. Leva o excesso de colesterol no sangue para o fígado, que o remove do corpo;

VLDL: é uma lipoproteína de baixíssima densidade, produzida no fígado e tem como sua principal função transportar os triglicerídeos pela corrente sanguínea.

 

Os principais passos para controlar os níveis de colesterol

Reduzir o consumo de bebidas alcoólicas;
Evitar a obesidade e o sobrepeso;
Reduzir o consumo de açúcares simples;
Reduzir o consumo de carboidratos;
Praticar exercícios físicos com uma frequência de pelo menos 3 a 5 vezes por semana;
Consumir gorduras poli-insaturadas ricas em ômega-3.

Fonte: Guilherme Jonas, médico angiologista e cirurgião vascular, especialista em cirurgia vascular pela SBACV (Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular).

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo